O QUE FAZ O TÉCNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO…

TST 22

O Técnico de Segurança do Trabalho é responsável pela capacitação dos trabalhadores

O profissional de segurança do trabalho atua conscientizando e sensibilizando os trabalhadores no sentido de estarem sempre atentos aos riscos ambientais. Através de treinamentos e de palestras, ele é capaz de modificar todo o contexto da vida nas empresas, alertando e fiscalizando posturas e atitudes no sentido de melhorar a qualidade de vida e preservar a saúde e integridade física de todos.

RISCOS AMBIENTAIS

Em cada atividade estão presentes riscos de variadas categorias, podendo eles serem Riscos Físicos, como o ruído, as vibrações, as radiações, o frio, o calor e a umidade, entre outros. Também é comum estarem presentes em certas atividades os Riscos Químicos, que se apresentam sob a forma substancias ou compostos que geram poeiras, gases, névoas ou vapores e que podem adentrar o organismo pelas vias respiratórias, ou ainda, através da pele ou por ingestão acidental. Há também os Riscos Biológicos, cuja principal característica é a dimensão ou tamanho, pois na maioria dos casos estão presentes no ambiente de trabalho sem serem percebidos, como os vírus e as bactérias. Neste caso, as medidas de prevenção são profiláticas, onde os trabalhadores devem ser orientados a adotar hábitos de higiene saudáveis. Há ainda os Riscos Ergonômicos, que por atividades com excesso de peso, movimentos repetitivos e estresse contínuo podem afetar a saúde e as condições psicológicas do trabalhador. TST 11

Por último, os Riscos de Acidentes são também uma preocupação do técnico em segurança do trabalho. Estes riscos se apresentam muitas vezes na operação de maquinas e equipamentos, onde podem ocorrer cortes, amputação, esmagamento, prensamento, sufocamento, queimaduras e quedas de altura.

MEDIDAS DE PROTEÇÃO

Durante o curso técnico em segurança do trabalho, os alunos aprendem a utilizar e indicar os equipamentos de proteção coletiva e individual.

Os equipamentos de proteção coletiva são de responsabilidade da empresa, na instalação e uso adequado por parte dos trabalhadores. São, por exemplo, os extintores, os corrimões, os exaustores e ventiladores, as macas, etc.

Os equipamentos de proteção individual são considerados os últimos recursos a serem utilizados pelo trabalhador, quando a empresa não possui condições de evitar os riscos. Neste caso são os protetores auditivos, os capacetes, as botinas de segurança, as luvas de proteção, etc.

TREINAMENTOS

Mas de nada adianta estes equipamentos de proteção se os trabalhadores não forem instruídos de como utilizá-los. Para tanto, é necessário que o técnico em segurança do trabalho dedique grande parte do seu tempo capacitando os trabalhadores sobre a importância e a forma correta de usar os equipamentos. E tudo isso, o aluno vai aprender no curso técnico.

TST UNIPACS2

CURSO TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO UNIPACS

A Escola UNIPACS dispõe do Curso Técnico em Segurança do Trabalho nas unidades de Esteio e Taquara. Peça mais informações pelos fones (51) 3033-2771 para ESTEIO e (51) 3541-2441 para TAQUARA. Ou acesse www.unipacs.com.br

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *